Select Language

As pastilhas e discos de travão funcionam como um sistema – substitua-os como um sistema

Compartilhar

Estima-se que os atuais veículos de passageiros contenham cerca de 30.000 peças individuais. Mas um veículo moderno, em comparação com um fabricado há uma década, é mais bem pensado como um conjunto de sistemas, cada um dos quais podendo incluir dezenas ou mesmo centenas de componentes desenvolvidos para trabalhar em conjunto para um desempenho ideal, fiável e seguro.

Por exemplo, um sistema de travão moderno inclui pastilhas de travão, discos, cilindro principal, cabos de travão e tubos, fluído, impulsionador, pinças e pistões, módulo de controlo do sistema de travão anti bloqueio (ABS), sensores de velocidade das rodas e muito mais. E não se esqueça do próprio pedal do travão, que não só ativa o sistema como também transmite certas características de funcionamento ao condutor. Pense no sistema de travões, portanto, como uma unidade holística concebida para funcionar com eficiência máxima em todas as situações de condução.

Este sistema é muito parecido com os apresentados noutras tecnologias de consumo, incluindo computadores, telemóveis e até mesmo as nossas bibliotecas de música baseadas na Internet. Introduzir componentes ou software de baixa qualidade baixa qualidade num qualquer destes sistemas, o seu desempenho simplesmente não vai ser tão rápido ou eficiente como costumava ser.

file

DESENVOLVIDOS EM CONJUNTO PARA SEREM EXECUTADOS EM CONJUNTO

 

As pastilhas e discos de travão são os componentes substituídos com maior frequência. Isto porque a sua função principal – travar o veículo absorvendo e dissipando energia cinética – ocorre através do desgaste gradual das respetivas superfícies operacionais.

As pastilhas de travão de alta qualidade apresentam materiais de fricção formulados para proporcionar uma travagem segura, fiável, confortável e silenciosa quando combinado com um disco de travão complementar. Portanto, se as pastilhas e discos do veículo precisam de ser substituídos, é sempre melhor selecionar peças que foram concebidas, fabricadas e testadas para funcionar em conjunto. É assim que os principais fornecedores de peças de travão pós-venda, como a FERODO, desenvolvem pastilhas e discos premium, e a razão pela qual os instaladores que utilizam pastilhas de travão PREMIUM FERODO podem ter a certeza de que existem discos de travão FERODO disponíveis e compatíveis, com precisão, desempenho e durabilidade, para uma melhor segurança possível.

 

Compreendendo os riscos

 

É praticamente impossível acompanhar todas as novas marcas de peças de travão hoje em dia. Embora ter escolhas seja bom, pode ser difícil na atual economia, baseada na Internet para os instaladores e consumidores, distinguir entre peças de qualidade e as que são mal concebidas e potencialmente perigosas. É vital, portanto, primeiro selecionar uma marca que conheça e confie. A FERODO, por exemplo,é um fornecedor preferencial pelos fabricantes de veículos há mais de 100 anos e é uma escolha confiável de profissionais de serviços automóveis em todo o mundo.

A abordagem FERODO para conceber e fabricar pastilhas e discos de travão é outro diferenciador chave. Estes componentes são concebidos para uma combinação perfeita quando instalados em conjunto, o que ajuda a garantir a ótima adaptação do material de fricção à superfície do disco. Isto, por sua vez, ajuda a prevenir a acumulação de camadas irregulares de material no disco, ou desgaste desigual do disco, o que pode levar a pulsação indesejada do travão, vibrações do volante e ruído.

Um disco não-FERODO também pode apresentar uma metalurgia de qualidade significativamente inferior e uma fabricação de baixa qualidade que ambos podem impactar negativamente na dissipação de calor, na durabilidade da pastilha e do disco, na sensação do pedal, no ruído de funcionamento e na segurança. Outras desvantagens dos discos "baratos" podem incluir lacunas de ventilação demasiado largas resultantes do desejo dos fabricantes de utilizar placas de disco mais finas e menos dispendiosas. Infelizmente, estes discos podem não arrefecer tão eficientemente como os discos FERODO, potencialmente levando ao "desvanecimento do travão" induzido pelo calor e ao desgaste acelerado da pastilha. Em situações extremas, o calor excessivo pode mesmo causar falhas de outros componentes da roda e, no pior dos cenários, incêndios nas extremidades das rodas ou no colapso do sistema de travagem.

Mesmo que um disco de travão barato tenha uma aparência semelhante a um produto de qualidade, pode haver diferenças de design que podem degradar profundamente a segurança e o desempenho. Por exemplo, todos os discos de travão premium FERODO dispõem de quadros de arrefecimento com formato preciso e espaçados desenvolvidos para corresponder aos requisitos únicos de travagem do veículo. Os discos de menor qualidade têm frequentemente menos quadros de arrefecimento, formas de moldura menos eficientes e/ou espaçamento inadequado que podem resultar em temperaturas de funcionamento mais elevadas.

 

file

'Barato' e 'seguro' não combinam

 

O sistema de travagem de um veículo tem um objetivo abrangente: ajudar a manter os condutores, passageiros e outros automobilistas seguros. É impossível colocar um preço na segurança! Em vez de se procurar a opção menos dispendiosa, é importante lembrar os custos potencialmente devastadores de operar um veículo inseguro.

Embora muitos instaladores e consumidores compreendam e apreciem o papel das pastilhas de travão, muitas vezes não se lembram que cada travagem requer a interação adequada das pastilhas e dos discos. Por isso, quando se fizer a escolha inteligente selecionando uma pastilha de travão FERODO comprovada e de alta qualidade, que não se comprometa o desempenho, durabilidade e valor de fundo da pastilha, combinando-a com um disco de travão não-FERODO. Há muito em jogo!

 

Encontre as pastilhas e discos de travão certos para o seu automóvel

 

Os conteúdos deste artigo destinam-se apenas a propósitos informativos e de entretenimento e não devem ser utilizados como uma alternativa a obter aconselhamento profissional de um técnico ou mecânico certificado. Encorajamos a consulta de um mecânico ou técnico certificado caso tenha perguntas ou dúvidas específicas relativamente a qualquer um dos tópicos aqui abrangidos. Em nenhuma circunstância seremos responsáveis por qualquer perda ou danos provocada pela sua dependência de quaisquer conteúdos.

Compartilhar